Atuação

Prevenção
Check-up Digital

O Check-up Digital Preventivo foi desenvolvido para a odontologia e tem por finalidade prever futuras doenças nos dentes, antes mesmo de radiografias ou a olho nu.

A cultura de prevenção em saúde tanto na área Médica, quanto na área Odontológica está a caminho. Para isso, a população mais informada deste país está entendendo através da consciência dos profissionais de saúde e da mídia ( TV, revista Caras, Exame, matérias de jornais, site UOL, Sônia Abrão, Pânico na TV, etc.) que a busca do saudável é fundamental para a longevidade e qualidade de vida.

Se perguntar-mos quem neste país tem costume de fazer Check UP anualmente, tanto da boca quanto do seu corpo em geral, talvez apenas 10% da população que investe em saúde, tenha plano médico (convênios) e além disso tenha a consciência para detectar problemas futuros ou no início responderiam que tem por hábito se prevenirem às doenças e tratá-las em estágio inicial.

Se 30% deste país é doente, restaram 60% da população que acreditam ser saudáveis apenas pelo fato de não estar doente, com algum sintoma ou sinal de dor ou desconforto. Este é o equívoco para não se investir em saúde e/ou prevenção.

O fato de você não estar sentindo nada, nenhum desconforto não quer dizer que esteja saudável, pois pode ter um colesterol altíssimo, estar no limite para um diabetes, pode estar vivendo uma sobrecarga em estresse e pra piorar talvez não tenha uma boa dieta alimentar e/ou atividade física regular, etc. Tudo isso faz parte de uma situação muito comum entre a população, sendo assim nunca deixarão a zona de risco. Mas existe uma nova filosofia que é contemplada na Odontologia Moderna, pois através do Check up Digital Preventivo as pessoas podem descobrir que estão com alguma doença em estágio inicial e terão a garantia que essa doença poderá ser tratada rapidamente evitado grandes sofrimentos, perda de tempo e altos custos.

A prevenção é o futuro para área da saúde como um todo, e as novas tendências da Odontologia Moderna é o start para um novo cenário, de modo a agregar valores à cultura das pessoas e proporcionar uma vida mais saudável com mais qualidade e conseqüentemente longevidade. Mas para que isso ocorra, é fundamental uma nova mentalidade da classe Odontológica, aliando tecnologia de ponta e ciência.

Para obtermos um resultado mais abrangente, a mídia e os artistas também estão fazendo a sua parte, pois constantemente o assunto da prevenção odontológica é abordado devido a influência que a imagem dos artistas tem perante a população.

Implantes Dentais

Se o paciente é acometido por uma fratura, cárie ou doença periodontal com perda dentária e desequilíbrio na mastigação, o implante dentário trata e restabelece tais funções.

A falta de um elemento dental pode ocasionar movimentações indesejadas, sobrecarga nos outros dentes e uma estética desfavorável.

O tratamento é minimamente invasivo, feito com anestesia local e resultando em um pós-operatório com o máximo de conforto.

Para descomplicar: o implante dentário é um parafuso de titânio que substitui uma raiz dentária possibilitando a confecção de coroas protéticas (dentes de porcelana que ficam iguais aos dentes naturais) devolvendo a estética e a função do dente perdido.

Para os pacientes que utilizam dentaduras e/ ou próteses móveis, os implantes dentários são uma alternativa para reabilitações com próteses fixas e devolvem a mastigação, proporcionando estética harmoniosa, e em muitos casos podendo ser utilizada a técnica da carga imediata

 

Como funciona a carga imediata?

 

É o implante dentário no qual o paciente sai do consultório podendo mastigar no mesmo dia da cirurgia.

No mesmo dia da cirurgia ou, no máximo, em 72 horas é possível fixar as próteses.

Esta técnica reduz o tempo de tratamento e proporciona uma grande melhora na mastigação e na estética de forma rápida e segura.

Um planejamento detalhado é feito antes do procedimento para poder indicar a técnica adequada de implante dentário e alcançar os melhores resultados.

Disfunção da ATM
Dor Orofacial
Bruxismo

O QUE É A DTM?

DTM (disfunção temporo mandibular) é um termo coletivo que abrange várias situações clínicas, bastante comuns, que envolvem a musculatura da mastigação, a articulação temporomandibular (ATM) e estruturas associadas.

 

QUAIS OS SINAIS E SINTOMAS DA DTM?

O quadro clínico de DTM é definido pelos seguintes sintomas isolados ou associados:

  • Estalo articular, mialgia ( dor nos músculos da face)

  • Artralgia ( dor articular)

  • Cefaléia

  • Dor na nuca e costas

  • Desvio da mandíbula em sua abertura

  • Abertura bucal limitada

  • Dor de ouvido

  • Zumbido

  • Tontura

  • Dor ao abrir e fechar a boca ou durante a mastigação

  • Ranger de dentes

Tais sintomas podem ser confundidos com um simples mal estar e retardar o diagnóstico e tratamento da DTM.

 

QUAL É A CAUSA DA DTM?

A causa da DTM, não é clara, porém a mais aceita atualmente é a multifatorial, na qual o paciente apresenta como o principal fator causal desordens físicas (alterações anatômicas na ATM, maloclusão dentária); e como fatores coadjuvantes as desordens psíquicas (stress, insônia) e os hábitos para funcionais (onicofagia/ roer unhas, bruxismo/ ranger de dentes, etc).

No que concerne à prevalência quanto à idade e sexo respectivamente, a DTM afeta preferencialmente indivíduos com idade de 21 à 40 anos e tende a um decréscimo em sua incidência na medida em que se aproximam os extremos etários; e atinge uma prevalência maior em mulheres, quando comparadas aos homens, numa proporção de 5:1.

 

PORQUE A DISFUNÇÃO DE ATM CAUSA DOR DE CABEÇA?

A dor proveniente da disfunção de ATM, não é propriamente dor de cabeça, mas sim dor nos músculos da face, causada pelo ranger de dentes, mal oclusão, associados ao quadro de stress.

 

PORQUE A DTM CAUSA DOR DE OUVIDO?

A dor de ATM é, na verdade, diferente da dor de ouvido, devido à proximidade entre as duas estruturas citadas, o paciente pode confundir o local de origem da dor.

Como diagnóstico diferencial, a disfunção de ATM, não apresenta febre, nem secreções sendo eliminadas pelos ouvidos, nem causa infecção das vias aéreas superiores.

 

TRATAMENTO

O tratamento para a DTM também é multidisciplinar, ocorre a longo prazo, exige diagnóstico preciso e correto encaminhamento aos profissionais adequados.

Envolve fisioterapeutas para redução imediata da dor, destravamento muscular e liberação de movimentos mandibulares, otorrinolaringologistas para possíveis distúrbios de audição, dor excessiva e necessidade cirúrgica, bem como psicólogos para tratamento do stress, e cirurgiões dentistas para correção da mal oclusão dentária, ajustes oclusais e confecção de placas miorrelaxantes que irão temporariamente criar uma posição ortopédica mais favorável ao diagnóstico, além de diminuir rápida e efetivamente a dor e o travamento muscular. O uso terapêutico da toxina botulínica também tem tido grande sucesso para essa condição.

 

CONSEQUÊNCIAS DO NÃO TRATAMENTO:

A desordem temporomandibular, é uma doença progressiva, e assim não há como prever sua evolução e conseqüências, por isso é ideal o tratamento precoce.

Ortodontia

A função principal do tratamento ortodôntico é restabelecer a oclusão dentária (perfeito engrenamento dos dentes superiores com os inferiores), que é fundamental para a correta mastigação e, conseqüentemente, a adequada nutrição , saúde bucal e também a estética.
Com o restabelecimento da oclusão, evitam-se problemas relativos à respiração, deglutição, fala e articulação temporomandibular (ATM).

A utilização do aparelho dentário também aumenta a autoestima do paciente. Não existe idade máxima para a realização de tratamento ortodôntico. O tratamento ortodôntico torna a boca mais saudável, proporciona uma aparência mais agradável e dentes com possibilidade de durar a vida toda.

Clareamento Dental

CURTA UM SORRISO MAIS BRANCO!

Por que não realizar clareamento dental e ter mais prazer em sorrir?
Uma pessoa feliz e bem sucedida precisa poder sorrir sem ter que mostrar dentes escuros, amarelados ou manchados interferindo negativamente nas suas relações pessoais e profissionais.

A cada dia que passa o comportamento das pessoas é mais influenciado pela estética, e a busca por um sorriso mais branco é cada vez mais comum..

 

Tire suas dúvidas sobre clareamento dental

 

Meus dentes podem ser clareados?

Sim. Qualquer pessoa pode ter seus dentes clareados, desde que eles estejam íntegros, sem muitas restaurações.

 

Como funciona o clareamento dental?

As moléculas dos géis oxidantes (liberadores de oxigênio) penetram na intimidade do esmalte e da dentina, liberando oxigênio que, por sua vez, “quebra” as moléculas dos pigmentos causadores das manchas.

 

Como posso clarear meus dentes?

Os dentes podem ser clareados através de géis ou pastas oxidantes (liberadores de oxigênio) de duas maneiras:

  • No consultório: O dentista isola os dentes (com um lençol de borracha) para proteger a gengiva e aplica um agente oxidante forte.

  • Em casa (doméstico): O paciente, sob a orientação do dentista, leva um gel oxidante de menor concentração, para usar diariamente em casa.O clareamento dental doméstico apesar de mais lento é mais seguro e eficaz, pode resolver todos os casos e é o mais utilizado.

 

Posso fazer sozinho ou preciso ir ao dentista?

Não se recomenda clarear os dentes sem orientação profissional. Seja no consultório seja em casa, sempre deve haver monitoramento do(a) Dentista.

 

Os produtos usados no clareamento são seguros à saúde geral?

Sim. Como outros produtos e medicamentos usados na Medicina e Odontologia, se usados corretamente conforme orientação, os produtos usados no clareamento não promovem nenhum prejuízo à saúde geral.

A mídia divulgou que o clareamento doméstico poderia potencializar o aparecimento de câncer. É verdade?Essa informação não tem fundamento. Tanto que a FDA (Food and Drug Administration) e a ADA (American Dental Association) aprovam o uso de peróxidos em cremes dentais, que são usados indiscriminadamente pela população. Essas entidades também não desaprovam o uso de clareadores dentais, desde que supervisionado por dentistas.

 

Eles provocam danos à gengiva?

Não, desde que o paciente faça tratamento supervisionado e não use produtos vendidos pela TV ou em supermercados.
O dentista confecciona uma moldeira individualizada que cobrirá somente a superfície dental, evitando, assim, que o agente clareador tenha contato direto e contínuo com a gengiva.

Importante: Qualquer lesão e sensibilidade devem ser imediatamente comunicadas ao dentista.

 

O dente clareado fica enfraquecido?

Não. A estrutura dental não é afetada.

 

O clareamento altera as restaurações já existentes?

Não. Mas o paciente precisa saber que talvez tenha de trocar ou retocar as restaurações antigas: uma vez que as restaurações não sofrem ação dos clareadores, parecerão mais escuras frente aos dentes clareados, causando desarmonia estética.

 

Posso fazer clareamento em qualquer idade?

Sim. Não há contra-indicação específica quanto à idade. A partir dos 10 anos, é aceitável.

 

Durante o clareamento, o que devo e não devo fazer? Deve fazer:

1. Seguir as orientações do dentista.

2. Retirar o dispositivo de clareamento dentário 1 hora antes das refeições e reiniciar 1 hora após.
3. Observar os dentes diariamente no espelho, monitorando o progresso doclareamento.
4. Guardar o dispositivo, para o caso de necessitar de manutenção.

Não deve fazer:

 

  • Fumar durante o tratamento.

  • Tomar café, chá, Coca-Cola em excesso.

  • Escovar os dentes logo após retirar o dispositivo.

  • Emprestar o produto para outras pessoas.

 

 

O dente clareado pode escurecer novamente?

Sim. Mas nunca como era antes.
Após 1 a 2 anos, pode haver a necessidade de uma manutenção no clareamento dental, que é feita em 2 ou 3 noites.

 

Quais as contra-indicações do clareamento doméstico?

Por precaução, deve-se evitar o clareamento dental em gestantes e lactantes.

Fonte: APCD

Facetas em Porcelana Lentes de Contato

As novas facetas de cerâmica ou porcelana são tão finas, hoje em dia, que passaram a ser chamadas de “lentes de contato dentais”. Trata-se de restaurações indiretas que exigem nenhum ou um mínimo desgaste dos dentes e proporcionam, em determinados casos, um ganho bastante alto em termos de estética. Comparada com as técnicas tradicionais de laminados e coroas, a ‘lente de contato’ preserva muito mais a estrutura quando bem indicada e bem executada.

 

A técnica é melhor indicada para pessoas com dentes muito espaçados, mal posicionados ou irregulares, mas que não tenham nenhum problema severo na articulação temporomandibular (ATM), apresentando oclusão estável. Um bom exemplo são os pacientes que têm dentes anteriores desgastados, o que dá um aspecto envelhecido.

 

Confeccionadas em cerâmica ou porcelana (o que diferencia uma da outra é a composição do material e a marca comercial), as lentes de contato têm grande capacidade de adesão ao dente, sendo coladas ao esmalte. Depois de colada, a faceta adquire resistência semelhante ao esmalte dental – em termos de resistência ao desgaste

 

A novidade que chegou recentemente ao Brasil acabou virando moda nas bocas de artistas famosos, sendo alguns, inclusive, acostumados ao tapete vermelho de Hollywood. A odontologia estética resgata o bem estar social, físico e mental das pessoas.

Odontologia Restauradora

Dentística ou odontologia estética atua na área da cosmética e restauração dental. Entre outros serviços, os profissionais desta especialidade tratam de clareamentos dos dentes, uso de resinas diretas, peeling gengival, facetas e restaurações estéticas.

 

O seu principal foco é a estética, ainda que a restauração de dentes também seja uma medida importante para a saúde individual, já que a permanência de cáries pode causar problemas a vários níveis, além de criar problemas na mastigação dos alimentos.

 

Pesquisa os vários tipos de preparações dentárias, a relação dos materiais restauradores com a estrutura dentária e o resto do organismo, técnicas restauradoras, etc. Tornando possível ao cirurgião-dentista restaurar de forma direta ou indireta a estética e a função dos dentes comprometidos.

Galeria de sorrisos
Marque seu horário
Encontre-nos

Rua T-29, n. 358 Sala 606

Ed. Bueno Medical Center

Setor Bueno - Goiânia, GO

74210-050

darumaodontologia@gmail.com

Tel: (62) 3250.9480

Whatsapp: (62) 98561.1582

R.T. Dr. Daniel B. Itikawa, CROGO 7753